Pão e Cerveja

O 2019 cervejeiro em 52 notícias pelo mundo

Você se lembrava de todas essas novidades cervejeiras de 2019? Reunimos 52 acontecimentos marcando as semanas do ano. Confira!

Muitas novidades do ano merecem um brinde

Confira as novidades cervejeiras de 2019! Você imaginaria que seria um ano tão intenso para o setor de cervejas no mundo?

Lançamentos inusitados, campanhas sociais, ampliação do número de cervejarias, incorporações, devoluções, tretas, aumento de impostos para cervejas artesanais…foram muitas as novidades cervejeiras de 2019

Reunimos um acontecimento para cada semana do ano que termina. Ou seja, aqui temos 52 fatos que foram novidade:

  1. Leffe Zero Álcool lançada logo no início de janeiro, confirmando a tendência de crescimento do consumo das cervejas sem álcool regsitrada na Bélgica no ano anterior. Tendência, aliás, que se espalhou pelos quatro continentes em 2019. Leffe Zero é a primeira cerveja de abadia sem álcool do mundo
  2. Na Inglaterra a cervejaria Seven Brothers Brewers começou a produzir a IPA Throw Away, em parceria com a Kellogs, utilizando cornflakes fora do padrão. Parte da renda com as vendas da cerveja foram revertidas à plataforma FareShare, que conecta pessoas a instituições doadoras de alimentos no mundo .
  3. A máquina de fazer cerveja em casa com a utilização de cápsulas foi apresentada ao mercado pela fabricante LG. LG HomeBrew na maior feira de tecnologia dos Estados Unidos na segunda semana de janeiro. Com a máquina, elimina-se a brassagem, mas preserva-se todo o processo de fermentação.
  4. Skol Puro Malte chega aos pontos de venda como se inovação fosse, inaugurando a lenda de que cerveja puro malte é sinônimo de qualidade. Sobre isso escrevemos por aqui
  5. 63 cervejarias brasileiras se unem na campanha Manchinha, cada uma produzindo uma cerveja com o nome da cachorrinha cruelmente espancada e morta em um supermercado de Osasco. A renda com a venda das cervejas foi doada a instituições de proteção animal.
  6. New England Journal of Medicine publica artigo com resultados de uma pesquisa que mostra benefícios da cerveja à saúde da mulher. O estudo, feito entre 12 mil mulheres dos 45 a 60 anos, mostra que aquelas que tomam de 1/2 a 1 copo de cerveja diariamente têm menos deficiências e degenerações cognitivas em comparação com as mulheres que não bebem cerveja.
  7. O pioneiro bar de cervejas Frangó lança sua própria cerveja. Produzida pela Cervejaria Dama, de Piracicaba, a cerveja Frangó é uma Hop Lager, com bastante aroma tropical.
  8. Em fevereiro foi oficializada no Panamá a criação do Bloco Cervejeiro Latino-americano, formado por 16 associações de cervejarias dos países: Brasil, Uruguai, Peru, Costa Rica, Argentina, Equador, Panamá, México, Chile,Paraguai, Colômbia, El Salvador, Honduras, Guatemala, República Dominicana e Nicarágua. O principal objetivo do grupo é integrar as cervejarias independentes , de forma a fortalecer as ações do setor. O Uruguai ficou com a presidência do bloco e o Brasil com a vice-presidência.
  9. Começa em Blumenau o julgamento das cervejas inscritas na 7a edição do Concurso Brasileiro de Cervejas. A competição contou com 3115 concorrentes, registrando 9% de crescimento em relação ao ano anterior.
  10. A partir da segunda semana de março as celebrações do dia de St.Patrick se espalham pelo Brasil.Festas e festas anunciadas em todas as regiões do país em homenagem ao padroeiro irlandês.
  11. Cervejaria Backer, de Minas Gerais, ganha o título de melhor Cervejaria de Grande Porte do Brasil, pelos resultados alcançados no Concurso Brasileiro de Cervejas.
  12. Universidade Federal do Rio Grande do Sul publica estudo em que mostra benefícios da cerveja à saúde cardíaca. A pesquisa identificou 72 compostos bioativos, que podem beneficiar o coração, melhorando as condições do sistema cardíaco e também benéficos em doenças degenerativas e cognitivas.
  13. Hoegaarden, cervejaria do grupo Ambev, inaugura seu bar conceito em São Paulo. Greenhouse, que recria a atmosfera de onde a cerveja foi criada, foi decorado com 64 plantas, de 38 espécies.
  14. Heineken do Brasil anuncia investimento de 15 milhões de reais no Instituto da Cerveja Brasil, escola de formação de sommelieres de São Paulo. O investimento será distribuido pelos próximos 7 anos.
  15. Anunciado o Primeiro Censo das Cervejarias Independentes Brasileiras, preparado pelo Sebrae junto à Associação Brasileira de Cerveja Artesanal – Abracerva. O estudo coletou dados para fazer um retrato fiel do mercado cervejeiro artesanal hoje no Brasil.
  16. Speedbird 100, uma produção da escocesa Brewdog para a companhia  British Airways. A cerveja foi produzida durante um vôo, dentro do Boeing 787 Dreamliner, a quinhentas milhas por hora, enquanto o avião cruzava o norte da Escócia. A receita da Speedbird foi pensada para o consumo no ar, com características específicas para a sensibilidade reduzida do paladar e do olfato em grandes altitudes.
  17. Matéria da Revista Galileu mostrou importância da cerveja para a estabilidade política da civilização TIAUANACO-HUARI, que existiu no Peru entre os anos de 600 a 1100 antes de Cristo. O povo deu origem aos Incas e, segundo as pesquisas arqueológicas feitas por historiadores do Museu Field de História Natural de Chicago, a cerveja nessa civilização ajudou na criação de organizações políticas complexas, mantendo a população coesa.
  18. A Brewers Association, dos Estados Unidos, publica o Guia de Estilos edição 2019, atualizando as categorias e estilos comerciais presentes no mercado.
  19. Anunciada uma das junções mais emblemáticas de cervejarias artesanais norte americanas. A Boston Beer Company desembolsou trezentos milhões de dólares para comprar parte da Dogfish Head. . Na transação de compra e venda, a DogFish Head passou a ter participação nos produtos da Boston Beer.
  20. Começa em São Paulo a feira bianual Brasil Brau, com feira tecnológica e congresso técnico para reunir todo o segmento do cervejas do país.
  21. Em Israel, biólogos conseguiram isolar uma levedura de cinco mil anos soterrada e refazer uma cerveja que teria sido a bebida consumida pelo personagem bíblico Golias, o gigante, depois de sua luta contra o franzino David. Seis estirpes de levedura foram isoladas, após serem colhidas de vasos de vinho e cerveja encontrados em escavações na Terra Santa.
  22. Cervejaria Pratinha, de Ribeirão Preto, lança no Mondial de la Biere a Magic Boose, sua cerveja instantânea em sachês. A novidade provocou reações inflamadas, contra e favor do invento. Sobre isso nós também falamos por aqui.
  23. O jogador Vampeta lança sua cerveja, a Vamp. Uma Premium Lager, produzida por sua própria cervejaria, a Resenha – que já nasceu com um slogan bem direto:  Aqui não tem fingimento. Eu produzo a minha cerveja e bebo.
  24. Monges da Abadia de Saint Sixtus, na Bélgica, produtores da icônica Westvleteren anunciam seu serviço de e-commerce. A venda online foi inaugurada para colocar um fim no mercado paralelo extorsivo que vendia a rara cerveja por 15 vezes mais na Europa.
  25. O drink Negroni completou 100 anos de existência. E no mundo todo o centenário foi comemorado de alguma forma. No Brasil foi realizada a Negroni Week e a grande novidade foi o lançamento da cerveja Baltic Negroni, produzida pela cervejaria Avós,de São Paulo. Essa cerveja foi listada pelo escritor norte-americano Stan Hieronymus como uma das melhores que ele bebeu em 2019.
  26. Tangoinn Hotel & Brewery , primeiro hotel-cervejaria da América do Sul, foi inaugurado na Argentina, precisamente em Puerto Iguazu, a poucos minutos da Ponte da Fraternidade, na fronteira com o Brasil.
  27. Ambev lança o filme Em busca da Cerveja Perfeita, um documentário contando a história da cerveja pelo mundo e também aqui no Brasil. Para fazer o filme, o diretor Heitor Dalhia percorreu 3 países e entrevistou 20 nomes representativos do segmento cervejeiro nacional e internacional.
  28. Governo edita decreto com novas regras para produção, rotulagem, fiscalização e venda de cervejas no Brasil. A nova Instrução Normativa foi publicada em novembro seguinte, representando um avanço na legislação brasileira.
  29. A jornalista Ariane Abdallah lança o livro De um Gole Só – a História da Ambev e a maior cervejaria do mundo. O livro discorre sobre o mundo corporativo e métodos de gestão criados pelo trio fundador da Ambev, ainda na década de 70 quando adquiriram a Cervejaria Brahma, mesmo não sendo do ramo cervejeiro.
  30. Começa em Valparaíso, Chile, mais uma edição da Copa Cervezas de América, concurso que nasceu em 2011 e tornou-se um dos mais representativos da América Latina. A competição contou com quase 2 mil rótulos inscritos. Pelas medalhas conquistadas na Copa Cervezas de America, a Backer, de Minas Gerais, recebeu o título de Melhor Cervejaria das Américas.
  31. A CAMRA, entidade civil que desde a década de 1970 trabalha em prol das verdadeiras Ales britânicas, vetou a participação no Great British Beer Festival a entrada de qualquer rótulo de cerveja que tenha cunho sexista. Quer exemplos das cervejas barradas: Dizzy Blonde, Slack Alice, Leg Spreader, Village Bike.
  32. O cientista Seamus Backley, criador do console Xbox, por ser apaixonado pela panificação, coletou resquícios de fermento em uma ânfora egípcia datada de 4 mil e quinhentos anos e conseguiu reproduzir com esse levedo um pão, com DNA mais antigo do mundo. O próximo passo da experiência de Backley foi utilizar o mesmo fermento e fabricar uma cerveja.
  33. A espanhola Estrella Galicia traz o programa The Hops para o Brasil e seleciona cinco startups nacionais voltadas à cadeia da cerveja para investir em sua aceleração. Na primeira fase foram selecionados quinze negócios inovadores.
  34. Lançada parceria entre a banda Iron Maiden e a cervejaria curitibana Bodebrown, durante o Mondial de La Bierre no Rio de Janeiro. A Trooper IPA foi apresentada ao público do festival, em latões de 473 ml, acompanhadas de camisetas, copos, bonés e bandeiras.
  35. Em 12 de setembro a cerveja Lagunitas, produzida na fábrica da Eisenbahn, em Santa Catarina, passou a ser, oficialmente, vendida no Brasil. Distribuída inicialmente pelo grupo Pão de Açúcar, a cerveja chegou a outros pontos de venda dois meses depois.
  36. Cervejaria do Rio Grande do Sul começam a ser judicialmente notificadas a retirar o nome do estilo Helles de seus rótulos. A palavra havia sido registrada como marca pela cervejaria Fassbier.
  37. Foi criada, oficialmente, pelo Ministério da Agricultura e Pecuária, a Câmara Setorial da Cerveja. O órgão, instituído por portaria no dia 3 de outubro, vai abrigar todos as entidades representantes  do setor produtivo no país, que conta hoje com mais de mil empresas registradas.
  38. A cervejaria californiana Stone, que também mantém uma fábrica-bar em Berlim, se juntou à Jagermeister para produzir uma cerveja inédita e inusitada, que leva parte do licor alemão na composição. A base é a cerveja carro- chefe da Stone, Arrogant Bastard fortificada pela bebida de ervas. 56 tipos de ervas foram utilizados. Como a própria cervejaria descreve, a Jagermeister Arrogant Bastard é uma cerveja agressiva com poucas chances de agradar ao paladar do público.
  39. Carlsberg anuncia a primeira garrafa de cerveja feita de papel. O projeto Green Fiber Bottle vem sendo desenvolvido desde 2015 pela companhia e está na fase dos testes de dois novos protótipos.
  40. Abracerva, em parceria com o Sebrae, divulga o primeiro Censo das Cervejarias Independentes Brasileiras. O estudo mostra que o mercado de cervejarias artesanais ainda é jovem, com a maior parte absoluta das empresas em funcionamento com no máximo quatro anos de existência. O mercado ainda é dominado por homens, com 89% de cervejeiros contra 11% de cervejeiras. Os estados que mais concentram negócios ligados à cerveja são Rio Grande do Sul, seguido por São Paulo e Minas Gerais. 82 por cento das microcervejarias estão enquadradas no Simples Nacional, sendo 67 por cento de cervejarias com fábrica própria, 25 por cento ciganas e 8 por cento de brewpubs. 51 por cento produzem até dez mil litros por mês.
  41. A Punk IPA, da escocesa Brew Dog, chega ao mercado na versão Alcohol Free. Uma das IPAS mais aclamadas em todo o mundo, agora pode ser bebida por grávidas e outros consumidores com restrição alcóolica, mas que não abrem mão de sabor.
  42. World Beer Cup, competição realizada de dois em dois anos nos Estados Unidos, abre inscrições para a edição de 2020. A próxima WBC será realizada no Texas e deve crescer, chegando a mais de 10 mil cervejas concorrentes, enviadas de mais de 70 países.
  43. Cervejaria Albanos do Brasil lança o projeto Da origem ao copo – Uma série de cervejas que, inspiradas na frase ¨Minas são muitas¨, de Guimarães Rosa, recebem ingredientes típicos de cada região mineira. A primeira cerveja da série lançada foi uma Chocolate Stout que leva compota de laranja comprada diretamente de São Bartolomeu, distrito de Ouro Preto, aonde as compostas são patrimônio histórico imaterial.
  44. Seiscentos milhões – este é o valor investido pela Ambev na construção de um parque eólico na Bahia, que vai permitir o abastecimento das cinco cervejarias produtoras da Budweiser no Brasil com cem por cento de energia limpa. O parque, que vai utilizar a energia do vento, terá potência superior a oitenta megawatts.
  45. A minúscula cervejaria Pratinha, de Ribeirão Preto, criadora do sachê Magic Boose, foi incorporada pela Zi EX Ventures, empresa que faz parte do conglomerado Ambev. 
  46. A trupe Os Melhores do Mundo, formada em Brasília, na década de 90, fecha contrato com a cervejaria Bamberg, de Votorantim ( SP), paraproduzir as cervejas Hermanoteu e Micaleteia.
  47. Cervejaria Dádiva se junta à Danneman, fabricante de charutos centenária da Bahia, para fazer a cerveja Medio Tiempo. O estilo escolhido foi uma Imperial Stout defumada, que ela leva favas de baunilha e passa por maturação em carvalho francês. O nome Medio Tiempo refere-se às folhas utilizadas para a produção do charuto recomendado para a harmonização com a cerveja.
  48. Mais uma cervejaria artesanal com foco na brasilidade e ingredientes regionais foi lançada no país. Trata-se da OCA, de São Paulo, que , como o próprio nome sugere, tem foco nas matrizes indígenas de nossa formação. A ideia é trazer essa identidade nos rótulos, nos nomes das cervejas e nos ingredientes escolhidos para fazerem parte das receitas. O primeiro rótulo, por exemplo, foi batizado de Tainá, nome tupi-guarani que quer dizer Estrela.
  49. Backer, de Minas Gerais; Lohn Bier, de Santa Catarina e Noi, do Rio de Janeiro, foram as três únicas cervejarias brasileiras premiadas em Nuremberg, Alemanha, pela competição European Beer Star. As cerveja Reserva, da Backer ganhou medalha de ouro. A Carvoeira, da Lohn, também trouxe ouro pro Brasil e a Cioccolato Barille, da Noi, ganhou medalha de bronze.
  50. O Grupo Pão de Açúcar anuncia a criação da própria marca de cerveja. Não se trata de um  simples rótulo próprio. É a marca mesmo. Várias cervejas serão lançadas sob esse braço. A marca de cerveja do Pão de Açúcar chama-se Fábrica 1959, fazendo alusão ao ano em que o grupo foi fundado. A linha de cervejas que faz parte dela conta inicialmente com quatro diferentes estilos. Todos já estão à venda nas lojas que compõem o grupo.
  51. A reaquisição pouco convencional da cervejaria Ballast Point, que em 2015 foi comprada pelo terceiro maior grupo cervejeiro norte-americano, a Constellation Brands. Pois não é que o grupo decidiu abrir mão da cervejaria e repassou-a de volta ao segmento artesanal independente? Sim. A Ballast Point foi vendida para uma pequena cervejaria do centro-oeste dos Estados Unidos, a Kings& Convicts Brewing Co., voltando à categoria de cervejaria artesanal independente.
  52. Foram publicadas no Diário Oficial da União as novas regras para produção, rotulagem e comercialização de cerveja no Brasil. Com a nova instrução, os rótulos ficarão mais claros, especificando obrigatoriamente todos os ingredientes, adjuntos e aditivos utilizados. Também o uso de mel, lactose, que são origem animal, passam a ser permitidos.
Uma das grandes novidades de 2019 foi a venda online das icônicas Westvleteren

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.